Email Caatinga via RSS Caatinga no Twitter Caatinga no Facebook

caatinga-ong-cisternas

27/02/2014

Bloco de mulheres Flor do Mandacaru desfila na abertura do Carnaval de Afogados da Ingazeira

publicado por

Por Juliana Lima – Assessoria de Comunicação da Casa da Mulher do Nordeste

arquivo CMN

Criado em 2007 por um grupo de Promotoras Legais Populares ligadas ao Grupo Mulher Maravilha (GMM) e com o apoio de outras entidades como a Casa da Mulher do Nordeste (CMN), o bloco de mulheres Flor do Mandacaru desfila mais uma vez na abertura do carnaval de Afogados da Ingazeira, nesta sexta-feira, 28, a partir das 17h, com concentração na Av. Rio Branco, sentido à Praça de Alimentação. O objetivo é aproveitar o momento carnavalesco para denunciar a violência contra a mulher no estado de Pernambuco e, principalmente, na região do Pajeú.

“Queremos estar na rua não somente para cair na folia, mas para transmitir nossa indignação e denunciar a violência contra a mulher, principalmente nesses espaços onde essa violência acaba sendo banalizada”, diz Rizoneide Lima, educadora do Grupo Mulher Maravilha.

Com o tema “Quem Ama Não Mata, Não Humilha e Não Maltrata”, o bloco está sendo organizado pelas entidades que abordam a temática de gênero como o Grupo Mulher Maravilha, a Casa da Mulher do Nordeste e a Rede de Mulheres Produtoras do Pajeú, além de contar com o apoio de grupos de mulheres da região, Ministério Público, Secretaria de Cultura e Esportes e Secretaria de Assistência Social de Afogados da Ingazeira.

Durante o desfile, serão divulgadas as campanhas do Laço Branco: Homens Pelo Fim da Violência Contra a Mulher e Não Brinque Com o Meu Direito, além dos números dos órgãos e instituições que integram a rede de proteção à mulher como a Central 180, MPPE, Delegacia de Polícia Civil, Polícia Militar, CRAS, CREAS, GMM, CMN e Rede Pajeú.

Pegue sua bandeira branca, confeccione faixas, cartazes e una-se à luta pelo fim da violência de gênero, porque numa mulher não se bate nem com uma flor.