Email Caatinga via RSS Caatinga no Twitter Caatinga no Facebook

caatinga-ong-cisternas

19/03/2013

Política de Convivência com o Semiárido e Direitos Humanos são pautas da reunião do Fotear

publicado por

Márcio Moura durante fala na reunião do Fotear

Na manhã desta terça-feira, 19, o Fórum Territorial do Araripe (Fotear) pautou a urgência de ações efetivas de enfrentamento à estiagem na região, bem como a promoção dos direitos humanos em Pernambuco. Os temas foram apresentados respectivamente pela Coordenadora da Articulação do Semi-Árido Brasileiro (ASA) Pernambuco, Neilda Pereira e pelo Secretário Executivo de justiça e Direitos Humanos do estado, Paulo Morais.

Na ocasião, Neilda Pereira apresentou o Plano de Convivência com o Semiárido elaborado pela ASA-PE em parceria com outras entidades parceiras que foi instituída recentemente pelo Governador, Eduardo Campos por meio da Lei nº 14.922 de 18 de março de 2013. Já o Secretário, Paulo Morais falou sobre as ações da Semana de Direitos Humanos que foi iniciada ontem, 18, no Araripe e vai percorrer todas as regiões do estado.

Após explanação dos/as convidados/as, a plenária pôde fazer intervenções. Entre as falas, destacou-se a do Coordenador de desenvolvimento regional e Políticas Públicas do Caatinga, Márcio Moura, que defendeu as demandas apontadas nas reuniões dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável dos municípios do Araripe que cobram urgência nas ações de enfrentamento à estiagem.

“Os problemas relacionados à seca, na verdade, são uma falta de uma politica clara de convivência com o semiárido, pois as previsões já apontavam esse longo período de estiagem. Porém, não foram investidos recursos para implementação ampliada de estruturas hídricas, a exemplo das cisternas de placas e poços. É preciso ações mais concretas do Governo do estado. O milho da Conab não chega. Nós fizemos várias audiências  e atos públicos, elaboramos documentos com as demandas. Quantos documentos precisarão ser elaborados para o governador entender e buscar alternativas para amenizar o estado de calamidade que se instalou na região?”, questiona Márcio Moura.

A reunião aconteceu no auditório do Caatinga em Ouricuri-PE, e reuniu membros da ASA-PE, APA Chapada do Araripe, IPA, Fetape, Incra, Delegacia do MDA, Caatinga, Chapada, Secretarias de Agricultura de Ouricuri e Santa Filomena, Conselhos, Sindicatos, Fórum de Mulheres do Araripe.


DoDesign-s Design & Marketing
ActionAidBrasil Sem MiseriaProRuralGoverno de Pernambuco
HSBC SolidariedadeUnião EuropéiaGEFFIDADom Helder Camara
PetrobrasMDS e MDABrasil - Governo Federal
P1+2CaixaFNMAMMABrasil - Governo Federal
ASAANAGente da TerraRESAB
Centro SabiáDiaconiaAbong