Email Caatinga via RSS Caatinga no Twitter Caatinga no Facebook

caatinga-ong-cisternas

30/07/2013

Qualidade da água consumida no Sertão do Pajeú é tema de Audiência Pública em Afogados da Ingazeira

publicado por

Por Emanuela Castro – Ascom Casa da Mulher do Nordeste

cartaz

Organizações da sociedade civil em parceria com o Ministério Público Estadual realizam nesta quarta-feira, 31 de julho, uma audiência pública para debater a situação crítica do abastecimento e qualidade da água fornecida às comunidades rurais do território do Pajeú, Sertão do Estado.

Foram convocados para esclarecimentos a Secretaria Estadual de Saúde, Secretaria Estadual de Agricultura, Compesa, Exército, Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Denocs), Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC), 10ª Regional de Saúde, além dos prefeitos da região.

“Há uma epidemia de diarreia aguda provocada pela qualidade da água distribuída à região através de carros pipa, que retiram o líquido bruto dos mananciais infectados. No entanto, as autoridades não divulgaram esses números alertando a população. Até a primeira semana de junho deste ano foram identificados 130.209 casos de diarreias agudas no estado, sem considerar os casos não sistematizados’’, enfatiza a coordenadora do Programa Mulher e Vida Rural da Casa da Mulher do Nordeste, Célia Souza.

A audiência acontece no Cine Teatro São José, a partir das 9h, em Afogados da Ingazeira, e está sendo articulada pela Casa da Mulher do Nordeste, Grupo Mulher Maravilha, Diaconia, Rede de Mulheres Produtoras do Pajeú, Sindicatos dos/as Trabalhadores/as Rurais, Cecor, Adessu, igrejas, Fórum de Mulheres de Pernambuco e Ministério Público.

Dados – Segundo a Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco, o Sertão do Pajeú está em estado de alerta. A 10ª Geres é a regional de maior registro de frequência de casos de diarreia aguda este ano, com 58% em situação de zona epidêmica. Os dados mostram que 88% dos 185 municípios do Estado informaram casos. Os hospitais estão lotados de pacientes com indícios de infecção, e as Geres que estão com a maior proporção de casos são aquelas com sede em Arcoverde (77%), Caruaru (69%) , Limoeiro (60%), Goiana (60%), Afogados da Ingazeira (58%) e Petrolina (57). A diarreia aguda é causada pelo consumo de água sem tratamento.